A importância de testes de software para apps

Segundo um recente relatório da Yahoo Flurry Analytics, os americanos estão gastando cerca de 297 minutos diariamente em seus celulares, ou seja, quase cinco horas por dia, sendo 33% desse período em aplicativos de redes sociais e apenas 8% em navegadores e outras aplicações. A realidade em nosso país não é diferente, pois um estudo da agência internacional We Are Social revelou que o brasileiro passa cerca de 3 horas e 46 minutos por dia conectado na internet através do seu celular

Quanto mais pessoas conectadas, maior a demanda de desenvolvimento de aplicativos, seja para entretenimento, informação, soluções cotidianos ou para aplicações comerciais. Mas um aumento na demanda não significa que os apps podem ser lançados sem antes passar por um rigoroso processo de testes de software. Falaremos mais sobre isso no artigo de hoje.

i-srj33Qp-X3-980x420

O tráfego de dados móveis crescerá sete vezes mais até 2021

O número de dispositivos móveis tem crescido exponencialmente ano após ano, fator que está contribuindo diretamente com o aumento do tráfego de dados móveis. O crescimento do consumo de dados móveis foi de cerca de 18 vezes comparado aos números de 5 anos atrás. De acordo com uma pesquisa da rede global Cisco, o tráfego de dados móveis teve uma taxa de crescimento de aproximadamente 63% apenas em 2016. 

Ainda segundo a pesquisa, nos próximos quatro anos o tráfego de dados móveis no mundo todo irá crescer 7 vezes em relação ao período atual. Esse crescimento se deve em grande parte aos dispositivos móveis que se tornam cada vez mais acessíveis.

A estabilidade do futuro da tecnologia móvel 

Apesar do mercado de smartphones parecer estar perto de seu ponto de saturação, as empresas continuam a desenvolver novos dispositivos com o intuito de batalhar pela preferência do consumidor que apenas estimula essa competição. 

Quase 430 milhões de novos dispositivos móveis foram colocados em circulação e adicionadas à rede em 2016. Somando com os dispositivos já existentes, o número de smartphones ativos atualmente é de cerca de oito bilhões em todo o mundo. Ou seja, o equivalente a mais do que um smartphone para cada pessoa no planeta. 

A previsão é de que até 2021 o consumo médio mensal de dados móveis por usuário seja de aproximadamente 6,8 GB em comparação ao consumo atual de 1,6 GB.

Isso significa que os dispositivos móveis continuarão fazendo o tráfego de dados móveis circular por tempo indeterminado. Não há previsão para que essa forma de conexão seja descontinuada. O que consequentemente atrai interesse para o desenvolvimento de aplicativos móveis, afinal, é preciso muita oferta para suprir uma demanda tão alta.

A necessidade de testar o aplicativo no momento adequado

Os avanços tecnológicos e a facilidade do acesso à internet são fatores que têm influenciado diretamente no comportamento do consumidor moderno, tornando-o cada vez mais exigente em relação à qualidade, velocidade e versatilidade dos serviços e produtos que consome. Isso significa que a margem de erro para os desenvolvedores de softwares e aplicativos está cada vez menor, pois o consumidor tem consciência de que está inserido em um mercado competitivo e pode contar com uma infinidade de opções caso não esteja satisfeito com a qualidade do serviço que está recebendo.

O padrão de qualidade dos usuários e as expectativas em tecnologias cada vez mais inovadoras é muito alto e tem feito pressão nas equipes de TI que desenvolvem aplicativos mobile.

O desafio de testar e garantir a qualidade dos aplicativos

O usuário é movido pelo apetite de cada vez mais fazer parte do universo de interação digital, mas esse ímpeto se iguala com sua intolerância contra qualquer falha, defeito ou bug que o software possa apresentar em um determinado momento. E essa realidade tem se mostrado um verdadeiro desafio para os desenvolvedores de tecnologia móvel.

Por isso é muito importante que os aplicativos passem por uma rigorosa fase de testes antes de serem lançados ao público. Não é coincidência que atualmente o número de empresas que intensifica os seus procedimentos de testes em aplicativos cresce cerca de 16% ao ano. Dentre os aspectos que são priorizados na fase de testes estão a segurança, desempenho e velocidade.

Quer saber mais sobre testes em softwares para App? Precisa de soluções para tecnologia móvel em sua empresa? Então entre em contato a Base2. 

About Contentools